Páginas

sábado, 16 de julho de 2011

Ao fim...o começo disfarçado...



Não sei o que anda ocorrendo...
Mais existem alguns fatos que andam me intrigando.Fico em duvida se isso é normal,ou se as coisas se constroem com o tempo e depois se desfaz com o objetivo de me mostrar que o mundo lá fora passou por varias fazes naturais da vida,mudou e está mudando assim como eu.
São as pessoas que depois de anos vem te dar uma atenção maior do que o natural
Parece que perceberam que tu existe...ou então,quem sabe,já haviam percebido porem vc mesma nunca tenha notado...todos temos que em uma fase da vida ser criança.
É a saudade das tardes com a amiga,é a vontade de comer brigadeiro de panela.Um dia eu já pude...
Situações que tu tinha(ou tem)a certeza que perdeu o controle,porém volta a sua porta.Chama em sua janela,alias sempre disponível...
Faz pensar que é apenas aquilo chamado "se mostrar"...
Para servir como aquilo quer te testar...para ver a sua reação,para ver se ainda existe emoção...
É escada da vida que se construí em círculos e vc anda milhares de vezes sobre ela...
A tipica escada que continua pelo infinito porém com varias saídas para diversos andares
Todos do mesmo tamanho,com a mesma aparências...porém o primeiro tem uma unica diferença do segundo...
A numeração...e nada mais
Tu continua sempre a subir...não volta por que sabe o que tem lá em baixo...
Segue em frente mesmo com a impressão de que lá em baixo é exatamente
igual aos próximos passos...são os mesmo degraus.
E a um bom tempo subindo tu
Encontra vidas diferentes...
Amizades antigas...
Pessoa esquecidas...
E quando tu para para se recuperar....
Quando teu corpo pede tempo para descansar 
E por impulso vc entra na primeira saída que encontra...
Sabe o que você percebe?
Que os minutos passaram,as estações são diferentes,o clima não é o mesmo e nem as pessoas
Mais no fim das contas...
Você de algum jeito saiu no mesmo lugar...
Lá no começo...
E termino esse meu devaneio apenas com um trecho de música que surgiu agora na minha mente
se encaixou perfeitamente por nada mais que poesia que tenha se tornado para fazer sucesso
Uma bonita melodia...

"Mudaram as estações,Nada mudou...
Mais eu sei que alguma coisa aconteceu 
Tah tudo assim tão diferente..."(Cassia Eller )

4 comentários:

  1. Quando teu corpo pede tempo para descansar
    E por impulso vc entra na primeira saída que encontra...



    q fazemos?

    belo belo

    ResponderExcluir
  2. Mudanças sempre são benvindas baby, seja mudanças na amizade, no comportamento destas amizades ou apenas mudanças internas o que não pdoe é cair na mesmice, nunca

    ResponderExcluir
  3. É a escadaria da vida.
    Tenho meus altos e baixos, mas á cada dia, tenho subir cada degrau.

    Sério, um dia seus textos serão citados em todos os blogs.
    MUITO BOM!

    ResponderExcluir